Eleição para Associação Paraibana dos Defensores Públicos terá chapa única

Eleição para Associação Paraibana dos Defensores Públicos terá chapa única

- Categoria: Paraiba

A eleição para a nova diretoria executiva da Associação Paraibana dos Defensores Públicos, triênio 2017/2020, que ocorre no próximo dia 26, contará com chapa única intitulada “A Força da Lealdade”, encabeçada pelo defensor público e atual presidente Ricardo Barros, tendo como vice-presidente de forma inédita na história da entidade, uma defensora pública aposentada, Carmecy Abrantes.

Ambos atribuíram o registro de uma única chapa à união da categoria e sua efetiva representação pela entidade, marcada ao longo dos últimos anos por marcantes conquistas, fruto da incansável e destemida luta em defesa da classe.

Aprovação da categoria

Segundo Ricardo, a maioria absoluta dos defensores públicos referendou o trabalho que vem sendo desenvolvido e conclamou a todos aqueles ativos e aposentados aptos a votar, que compareçam no dia 26 para sufragar seu voto e através dessa participação, demonstrar seu apoio à nova diretoria.

Já Carmecy Abrantes lembrou que a partir de agora a luta pelos direitos dos aposentados, travada por ela e outros colegas como José Augusto Marques e José Saleme será fortalecida através de sua representação. “Estamos dispostos a contribuir para ajudar no que for possível”, afirmou. A Comissão Eleitoral é composta pelos defensores públicos Gildivan Lopes da Silva, Everaldo Lira de Lima (presidente) e Helena Coutinho dos Santos.

A Chapa tem a sua diretoria executiva formada ainda por Elson Carvalho (secretário), Klébia Ludgério (tesoureira), Fábio Liberalino (jurídico), Wilmar Leite (eventos), Diana Rangel (articulação social), Manfredo Estevam Rosenstock (comunicação), Delano Lucas (legislativo) e Paulo Bezerril (coordenador dos aposentados).

Conselhos

O Conselho Consultivo é composto por Catarina Guimarães, Luiz Cabral, Coriolano Filho, Luiz Guedes, Claúdio Barreto, Francisco Gomes, Odinaldo Espinola, Humberto Troccoli, Alzenira Palitot, Manoel Cavalcante, Maria de Lourdes Araújo, José Maria Tavares, Otávio Sarmento e Roberto Sávio. Os suplentes são Maria do Rosário e Maria da Penha.

Já o Conselho Fiscal conta com Iricelma Bezerra, José Alípio e Alfredo Eduardo Monteiro como titulares e  João Freire, Ananias Nóbrega como suplentes.

Deixe uma Resposta